Brasil cai em ranking de percepção da corrupção em 2019

O país ocupa a 106ª posição no ranking entre os 180 países avaliados




A Marcha da Corrupção, em Brasília – Foto de André Coelho

Na madrugada desta quinta-feira, 23, o estudo elaborado pela organização Transparência Internacional que aponta o Índice de Percepção da Corrupção (IPC) foi divulgado. Ocupando a 106ª posição no ranking, o Brasil caiu uma colocação e tem o pior resultado desde 2012.

Repetindo a nota de 2018, o Brasil teve 35 pontos. É o 5º recuo seguido. No total, 180 nações são avaliadas. O país fica atrás de Uruguai, na 21ª posição, Chile, na 26ª, e Argentina, com a 66ª. Quanto melhor a posição no ranking, menos o país é corrupto.

A queda de posição acontece desde 2014. Em 2016, o Brasil ficou em 79º. Em 2017, o país estava na 96ª colocação. Em 2018, estava na 105ª posição.

O IPC pontua e classifica os países com base no quão corrupto o setor público é percebido por executivos, investidores, acadêmicos e estudiosos da área da transparência.

O índice analisa aspectos como propina, desvio de recursos públicos, burocracia excessiva, nepotismo e habilidade dos governos em conter a corrupção.

Em conversa com a Folha de S. Paulo, Bruno Brandão, diretor-executivo da Transparência Internacional no Brasil, disse que “O resultado reflete um ano de poucos avanços e muitos retrocessos na luta contra a corrupção no Brasil”.

Para ele, trata-se de prova de que ” o discurso não é o suficiente”. “São necessárias medidas efetivas e coerência nas atitudes em todos os âmbitos”, diz.

Veja a posição de alguns países no ranking:

Países mais corruptos

180º Somália9 pontos
179º Sudão do Sul12 pontos
178º Síria13 pontos

Fonte: Transparência Internacional

Países menos corruptos

1º Dinamarca87 pontos
1º Nova Zelândia87 pontos
3º Finlândia86 pontos

Fonte: Transparência Internacional

Empatados com o Brasil

106º Brasil35 pontos
106º Albânia35 pontos
106º Argélia35 pontos
106º Costa do Marfim35 pontos
106º Egito35 pontos
106º Macedônia35 pontos
106º Mongólia35 pontos

Fonte: Transparência Internacional

América do Sul

21º Uruguai71 pontos
26º Chile67 pontos
66º Argentina45 pontos
106º Brasil35 pontos
123º Bolívia31 po

Com informações do G1 e da Folha de S. Paulo

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Rayssa Leonel
Carregar Mais Em Política

Sobre Rayssa Leonel

Graduada em Jornalismo pela UFCA - Universidade Federal do Cariri. Pesquisadora e caririense bem orgulhosa.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!